Home Notícias MS recebe primeiro evento internacional sobre adoção de tecnologias agrícolas

MS recebe primeiro evento internacional sobre adoção de tecnologias agrícolas

0
0

Facilidade de uso, utilidade e custos, são fatores determinantes na adoção de tecnologias agropecuárias e foco de algumas discussões que estarão presentes no primeiro Simpósio Internacional em Adoção de Tecnologia Agropecuária. O evento, inédito no Brasil, acontecerá entre os dias 6 e 8 de novembro no Sindicato Rural de Campo Grande (MS), com o objetivo de promover um debate ao redor do tema, a fim de identificar prioridades para o ensino, a pesquisa e a extensão rural.

“Compreender o porquê de o setor primário ainda obter resultados técnico-econômicos tão aquém de seu potencial, apesar do estoque de conhecimento e de soluções tecnológicas já disponíveis, requer uma visão multidisciplinar e métodos adequados para abordar essa complexa questão. As discussões devem suscitar novos olhares e perspectivas sobre a adoção que, normalmente, é vista como resultante de um processo de decisão puramente econômico e racional, o que vem sendo desconstruído pelas pesquisas científicas, a exemplo das premissas da economia comportamental”, reflete Mariana Aragão, pesquisadora da Embrapa e uma das coordenadoras do evento.

Com dinâmica composta por palestras, minicurso, sessão de pôsteres e mesa-redonda, os temas giram ao redor de inovação, impactos da adoção, agricultura 4.0, adoção em sistemas integrados de produção, modelo etnográfico de árvore de decisão, teoria do comportamento planejado, fatores determinantes da adoção, modelagem, dentre outros.

Entre os palestrantes, responsáveis por conduzir os participantes, estão o professor do Instituto de Economia da Unicamp (SP), Antonio Marcio Buainain; a pesquisadora do Scotland´s Rural College (GRB), Luiza Toma; a professora do Departamento de Ciências Humanas, Sociais e Políticas do ETH Zurich (Suíça), Rachael Garrett; a pesquisadora Silvana Ines Giancola do Instituto Nacional de Pesquisa Agropecuária (INTA-Argentina); e os professores André Rozemberg e Matheus Dill, das Universidades Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS) e Federal Rural de Pernambuco (UFRPE), além do diretor-executivo de Inovação e Tecnologia da Embrapa, Cleber Oliveira Soares.

Durante o Simpósio, o público formado por pesquisadores, pós-graduandos, docentes, técnicos e consultores rurais terá a oportunidade de interagir com os palestrantes, nacionais e internacionais. Para a especialista em economia rural, “essa troca de conhecimentos e saberes permitirá a formação de capital humano e deverá ainda contribuir, no longo prazo, para o desenvolvimento de linhas de pesquisas, ações de transferência de tecnologia e políticas públicas capazes de impactarem, efetivamente, o setor primário no Mato Grosso do Sul e em outros estados”.

A pesquisadora da Embrapa está ao lado dos professores José Carlos de Jesus Lopes e João Augusto Rossi Borges das Universidades Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS) e da Grande Dourados (UFGD), respectivamente, na organização do evento, que tem o apoio do Sindicato Rural, CNPq, Fundação de Apoio ao Desenvolvimento do Ensino, Ciência e Tecnologia do Estado de MS (Fundect), Fundapam e Agência Municipal de Meio Ambiente e Planejamento Urbano (Planurb) e patrocínio da ServSal.


Serviço:
Simpósio Internacional em Adoção de Tecnologia Agropecuária
Data: 6 a 8 de novembro
Local: Sindicato Rural de Campo Grande, Mato Grosso do Sul
Informações: cnpgc.adotatecsymp@embrapa.br e www.embrapa.br/gado-de-corte

Fonte: Embrapa Gado de Corte

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *