Solução para moendas será apresentada na Fenasucro - Máquinas e Inovações Agrícolas
Home Manutenção Solução para moendas será apresentada na Fenasucro
0

Solução para moendas será apresentada na Fenasucro

0
0

Devido ao contato direto com bagaço e caldo da cana, as moendas estão entre os equipamentos de usinas de açúcar e álcool que mais sofrem com a abrasão e corrosão. Como forma de aumentar a resistência, a Quimatic Tapmatic apresentará na Fenasucro 2018 uma solução para proteger as guias da placa de desgaste da moenda e, assim, evitar paradas desnecessárias durante a safra. A solução é obtida pelo uso da linha de resinas epóxi Plasteel, que forma uma camada de sacrifício de alta resistência sobre a peça. Ao serem protegidas pelo revestimento, as guias da placa de desgaste da moenda ganham maior vida útil. Outra vantagem é que se ocorrerem desgastes nesta camada de proteção, a reaplicação da resina se dá de forma rápida e prática, pela superfície aceitar bem os retoques.

“Com as resinas Plasteel, as usinas não perdem tempo com a troca das guias da placa de desgaste das moendas durante a safra. Cada parada para esta substituição costuma durar em média 8 horas devido à dificuldade de acesso, tempo para remoção, preparação e reinstalação”, explica Jonas Guimarães, gerente comercial da Quimatic Tapmatic. “Ao aplicar a camada de sacrifício, as usinas conquistam maior economia e produtividade, já que haverá menor número de paradas para reparos, além de redução de gastos com peças de reposição.”

Devido a estas vantagens, a linha Plasteel passou a fazer parte da manutenção preventiva e corretiva de usinas em todo o País. A camada de sacrifício em guias de placa de desgaste de moenda é feita em duas etapas: primeiro aplica-se a resina Plasteel Cerâmico Pintável Azul como primer e, depois, Plasteel Diamantado.

Plasteel Cerâmico Pintável Azul oferece proteção contra o ataque químico e corrosão. O seu acabamento liso e vitrificado melhora o fluxo e aumenta o rendimento mecânico dos equipamentos.

Já Plasteel Diamantado é um revestimento reforçado com microesferas inertes especiais de altíssima dureza, que confere à superfície dureza e resistência à abrasão semelhante a do diamante.

Além do uso em guias da placa de desgaste de moendas, as resinas Plasteel também são indicadas para outros componentes: revestimento dos castelos contra corrosão; e de suportes, pentes e balanças da bagaceira, colarinho (calha), flanges, entre outras peças do equipamento.

Isentos de compostos orgânicos voláteis, os produtos da linha Plasteel são ecologicamente corretos, fáceis de aplicar e estão disponíveis nas revendas brasileiras. O estande da Quimatic Tapmatic na Fenasucro será o de número B15.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *