• Newtec

Empresas celebram resultados positivos na Agrishow 2023

Empresas celebram resultados positivos na Agrishow 2023Empresas expositoras da Agrishow 2023 registraram bons resultados nos primeiros dias da feira e agora esperam melhorar desempenho no pós-feira

por Clarisse Sousa – As empresas de máquinas e equipamentos agrícolas que estiveram presentes na Agrishow 2023, realizada entre os dias 1 e 5 de maio em Ribeirão Preto (SP), avaliam de forma positiva o resultado da participação no evento, apesar do contexto desafiador caracterizado por elevadas taxas de juros e escassez de crédito na conjuntura econômica atual.

A JCB superou em vendas os resultados da edição passada da Agrishow em apenas três dias da feira. No segundo dia do evento, a marca já havia vendido 60% de tudo o que comercializou em 2022. Ao final da quarta-feira, a empresa registrou um aumento de 5% nas vendas em relação ao ano anterior. “Inicialmente, tínhamos a expectativa de que superaríamos em 47% a performance de 2022. Mas o balanço parcial aponta que iremos além em 2023”, comemorou Adriano Merigli, presidente da JCB para a América Latina.

Bancos de empresas projetam superar volume de negócios de 2022

A chinesa XCMG Brasil, que aproveitou a feira para lançar o seu primeiro trator agrícola, superou a venda de máquinas em relação à edição passada da Agrishow, com aumento próximo de 5%. A expectativa é que esse índice cresça no pós-evento, principalmente com a comercialização do novo trator agrícola de 80HP, que poderá ser um divisor de águas na linha agro devido ao seu custo-benefício.

“Os números foram bem próximos da edição passada do evento. Percebemos que o mercado agrícola está ainda ressentido com a falta de crédito e com as altas taxas de financiamento. Mas, mesmo assim, conseguimos obter um aumento nas vendas próximo de 5% em relação à edição de 2022. Ainda que as vendas pós-feira se estendam por algumas semanas devido a necessidade de análise e aprovação de crédito, esperamos uma reação positiva para o segundo semestre, principalmente com o início da comercialização do nosso novo trator agrícola e 80HP”, afirma Renato Torres, diretor comercial da XCMG.

De acordo com Celso Ruiz, CEO da Baldan Implementos Agrícolas, apesar dos desafios frente ao momento econômico atual, o estande da empresa teve uma intensa movimentação especialmente devido aos lançamentos. “Fechamos bons negócios, fizemos muita prospecção e vamos atingir a meta que estipulamos para a equipe. Em valores totais, foi muito semelhante à edição passada, que foi recorde para a Baldan. Repetir esse ótimo resultado é uma satisfação muito grande”, disse.

Agrishow registra faturamento histórico de R$ 13 bilhões

A Cimag, de Matão (SP), fabricante de implementos agrícolas, atingiu a marca de R$ 3,5 milhões em vendas em apenas três dias na Agrishow, superando o objetivo pretendido de R$ 5 milhões. O gerente comercial, Murilo Zanoni Mancini, comemorou o sucesso da feira e acredita que a empresa alcançará seus objetivos. Um dos clientes da Cimag, Ademir Hoscheidt, proprietário da Gauchinho Implementos, já havia adquirido R$ 300 mil em implementos e planejava investir outros R$ 700 mil até o final da feira para reforçar seu estoque.

A Rotoplastyc, de Carazinho (RS), fabricante de rotomoldados e produtos para gerenciamento de líquidos e preparo de calda para pulverização, atingiu 40% do objetivo de negócios na Agrishow, estimado em R$ 1,5 milhão. No ano passado, a empresa comercializou R$ 1,3 milhão. Segundo o coordenador comercial André Sabadini, a baixa do preço do grão de soja tem deixado o produtor em dúvida sobre os fechamentos das compras, mas ele estava esperançoso com os resultados finais. A Timber, de Curitiba, vendeu seis drones, totalizando R$ 1,5 milhão em negócios. A meta era repetir as 22 vendas de 2022, que totalizaram R$ 10 milhões.

A Agrishow aumentou a confiança da J.Assy, uma empresa de tecnologia de plantio, em relação às perspectivas para o ano de 2023. “Nós tivemos uma excelente feira. Trata-se de um evento essencial para o agro. O nosso objetivo como empresa foi superado, que era o fortalecimento de marca e demonstração dos nossos produtos e lançamentos. Teve uma aderência rápida e nós estamos sentindo que o agricultor cada vez mais tem buscado tecnologia e isso tem mudado a nossa percepção, como empresa, em relação ao ano”, afirma Leonardo Vieira, diretor executivo Latam da J.Assy.

João Carlos Marchesan é anunciado como novo presidente da Agrishow

Os lançamentos da LS Tractor também atraíram visitantes ao estande da marca. A linha de Drones, apresentada pela primeira vez na Agrishow, e o novo trator para o setor florestal se destacaram entre os produtos expostos. “A Agrishow tem sido uma excelente plataforma de negócios. Sempre trazemos novidades e, neste ano, não foi diferente. Apresentamos aqui, pela primeira vez, nossa linha de Drones e o trator focado na indústria de florestamento. Em termos de negócios, realizamos vendas 5% maior que ano passado, em um ritmo que nos surpreendeu, desde o início da feira”, contou o vice-presidente da LS Tractor, André Rorato.

Rômulo Venturini, coordenador de marketing da Jumil, está satisfeito com os resultados desta edição da Agrishow, tendo vendido 223 máquinas e aumentado o faturamento em 30% em relação ao ano anterior. As plantadeiras JM Expressa e a JM TERRA T320 foram os lançamentos que mais chamaram atenção. A Jumil também espera aumentar o número de vendas no pós-evento.

Estreia na Agrishow 2023

A primeira vez da Horsch também foi marcada por bons resultados. “Era um objetivo que tínhamos há muito tempo, e foi muito positivo porque pudemos expor toda a nossa linha de produtos, inclusive os lançamentos. Os produtores estavam nos questionando sobre essa participação e, neste ano, conseguimos realizar esse objetivo. Ao longo dos cinco dias tivemos várias consultas e temos certeza que as conversas com os prospects serão positivas”, afirma Rodrigo Duck, CEO da Horsch para a América Latina.

A fabricante chinesa de máquinas pesadas, LiuGong, também superou suas expectativas na Agrishow em sua primeira participação no evento. A marca teve suas expectativas superadas em posicionamento, visitação e negócios. O presidente da LiuGong Latin America, Linjun Wang, comemora. “Tivemos uma ótima participação e resultados surpreendentes ao expormos os nossos produtos e soluções pela primeira vez no evento, tanto que pretendemos expandir o nosso estante já na próxima edição da Agrishow”, afirma.

Kuhn e Bradesco lançam consórcio para aquisição de implementos

Para a Rivulis a participação na Agrishow foi uma oportunidade para divulgar o a fusão entre a empresa e a Naan Dan Jain. “Recebemos muitos interessados em equipamentos de irrigação, clientes e revendedores, inclusive, fizemos palestras técnicas sobre irrigação”, salienta Alfredo Teixeira Mendes, diretor-geral para a América Latina e Central da Rivulis.

Pós-feira

A Kepler Weber registrou no primeiro trimestre de 2023 um crescimento de 10% no interesse por projetos de beneficiamento e armazenagem de grãos, em relação ao primeiro trimestre de 2022, ano recorde para a companhia.

“Passamos a semana na Agrishow e percebemos que está claro para os agricultores, de que o silo mais caro é aquele que o agricultor não tem, porque ele sabe o quanto isso compromete a eficiência e o impede de lucrar mais”, comenta Bernardo Nogueira, diretor comercial da Kepler Weber.

Deixe um comentário

Leia mais

  • Bucher Hydraulics
  • rokim Portal Maquinas Agricolas
  • rokim Portal Maquinas Agricolas
  • Bucher Hydraulics

Empresas parceiras do jornalismo agrícola de qualidade

O Portal Máquinas Agrícolas é uma plataforma integrada de informação, conhecimento e serviços sobre mecanização e inovações agrícolas.

 

Rua Félix de Sousa, 305
04612-080 – São Paulo – Brasil
Telefone: +55 (11) 5042-5260

Newsletter

LOCALIZAR NOTÍCIA NO PORTAL

© BMComm | Portal Máquinas Agrícolas  ::: Site desenvolvido por Código 1 TI

Assine nossa Newsletter